Jornal do Commercio
FOCADO

'Aqui não existe acomodação', garante centroavante do Sport

Rafael Marques afirma que os jogadores rubro-negros não estão empolgados com o bom momento na Série A

Publicado em 12/07/2018, às 08h12

Rafael Marques quer o Sport pensando no jogo a jogo / Foto: JC Imagem
Rafael Marques quer o Sport pensando no jogo a jogo
Foto: JC Imagem
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

Mesmo após um desempenho surpreendente no primeiro terço disputado da Série A (com cinco vitórias, quatro empates, três derrotas e 53% de aproveitamento), os jogadores do Sport não se deixam levar pela empolgação de estarem mais próximos da zona de classificação para a Libertadores do que da zona do rebaixamento: 7º colocado, com 19 pontos. O pensamento na Ilha do Retiro segue o mesmo: atingir o quanto antes os 45 pontos e assegurar a permanência por mais um ano na Primeira Divisão - precisa de mais oito vitórias e dois empates nas 26 partidas restantes.

A pontuação necessária para atingir o objetivo pode até parecer pouca, mas os rubro-negros não querem saber de relaxamento. “Temos de manter o mesmo pensamento. Aqui não existe acomodação. A cada rodada, nas entrevistas, estamos deixando claro que temos de manter os pés no chão e, no final do campeonato, vamos ver aonde vamos chegar”, explicou Rafael Marques.



Ainda segundo o experiente centroavante leonino, quando o grupo relaxa, a tendência é de os resultados negativos surgirem. “É preciso manter em mente que não podemos nos empolgar e achar que está tudo mil maravilhas. Quando existe acomodação é mais que normal a ponta do avião embicar para baixo e as coisas negativas aparecerem. Sabemos da nossa capacidade e até onde podemos chegar. É focar no jogo a jogo e no final da competição almejar coisas maiores”, declarou.

DUELO

O próximo compromisso do Sport será contra o lanterna Ceará (20º, com cinco pontos e nenhuma vitória), no dia 18, às 19h30, no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, pela 13ª rodada da Série A.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM