Jornal do Commercio
Atacante

Brocador marca dois no Aspirantes e confirma interesse do Sport

Hernane vem jogando no time reserva do Grêmio

Publicado em 08/08/2018, às 19h49

Atleta já jogou no Leão em 2015 / Guga Matos/JC Imagem
Atleta já jogou no Leão em 2015
Guga Matos/JC Imagem
JC Online

Na mira do Sport para ser contratado para a disputa da Série A do Campeonato Brasileiro, o atacante Hernane Brocador marcou dois gols na vitória do Grêmio por 5x1 sobre o Avaí, pelo Brasileiro de Aspirantes, nesta quarta-feira, no Rio de Grande do Sul. Após a partida, falou para o canal Esporte Interativo sobre o interesse do Leão e confirmou a sondagem.

"Eu posso falar bem pouco (sobre a proposta). Sei que houve contato entre Sport, empresário e Grêmio. Tava focado na partida. Desci para ajudar o time aqui. Sei que houve contato. Já estive por lá, gostei muito do Recife", disse o jogador.



No Sport, Hernane jogou em 2015 e teve poucas chances já que André estava em grande fase no time. Ainda assim, ajudou os rubro-negros a irem longe na Série A do Brasileiro.

Sem espaço no time principal, o Brocador vem atuando no time reserva para manter o ritmo. Nesta quarta, marcou os dois primeiros gols dele pelo Grêmio. "Fico feliz por isso. Agradeço a Deus por ter conseguido".

 


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM