Jornal do Commercio
NEGOCIAÇÃO

São Paulo deve exercer direito de compra de meia-atacante do Sport em janeiro

Tricolor do Morumbi terá de desembolsar R$ 3 milhões para adquirir 40% dos direitos econômicos de Everton Felipe

Publicado em 11/12/2018, às 20h59

Everton Felipe disputou apenas seis partidas pelo São Paulo / Foto: Diego Nigro/ JC Imagem
Everton Felipe disputou apenas seis partidas pelo São Paulo
Foto: Diego Nigro/ JC Imagem
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

Apesar de só ter disputado apenas seis partidas - três como titular - em quatro meses, o meia-atacante Everton Felipe deve ser negociado em definitivo com o São Paulo. O clube paulista, que pagou R$ 3 milhões ao Sport em agosto, terá de sinalizar em janeiro se vai exercer a cláusula de prioridade e adquirir os direitos econômicos do atleta. Nesse caso, teria de depositar a mesma quantia no início de 2019 para ficar com os 40% que pertencem ao Leão (ainda ficaria com 5%), já que 25% pertencem ao empresário do jogador e mais 30% ao Banco BMG.

"O São Paulo tem a condição de contratar em definitivo Everton Felipe. Eles vão decidir se vão fazer a aquisição ou não em janeiro. Mas, essa condição é exclusiva do São Paulo. Qualquer situação diferente do contrato terá de ser definido pelo novo presidente junto com a direção do São Paulo. Em janeiro, teremos um direcionamento sobre o Everton", disse o executivo de futebol do Sport, Klauss Câmara, em entrevista ao repórter João Victor Amorim, da Rádio Jornal.



De acordo com informações vindas da capital paulista, o time do Morumbi vai mesmo fazer o investimento no meia-atacante de 21 anos, já que ele é visto como um jogador promissor e que o clube pode ser recompensado em uma futura negociação para o exterior.

ANDRÉ

Com relação ao desfecho do negócio entre Sport e Grêmio pelo atacante André, Klauss Câmara relembrou que o clube rubro-negro ainda tem quantias a receber do Tricolor Gaúcho. "As parcelas dessa negociação foram distribuídas (em cinco). Restam duas a serem recebidas pela venda de André", contou o executivo de futebol.

Apesar de o dirigente não confirmar, o montante que o Sport tem a receber pelo atacante ultrapassa os R$ 3 milhões.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM