Jornal do Commercio
Notícia
Série B

Início de Série B anima diretoria do Sport

Diretor de futebol Wanderson Lacerda demonstrou otimismo com evolução do Rubro-negro no campeonato

Publicado em 22/05/2019, às 12h14

Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem / Wanderson Lacerda (D) também comentou que espera o apoio da torcida no duelo contra o Londrina, nesta sexta-feira
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Wanderson Lacerda (D) também comentou que espera o apoio da torcida no duelo contra o Londrina, nesta sexta-feira
Klisman Gama
Twitter: @KlismanGama

O Sport começou a Série B com três empates e uma vitória, e ocupa a sétima colocação. Apesar das oscilações apresentadas nos quatro duelos, a recuperação mostrada pelo time nos minutos finais contra o América-MG dão uma perspectiva de crescimento da equipe para as próximas partidas. Ao menos esse é o sentimento da diretoria leonina, que se mostra otimista com este rendimento.

"Posso dizer que enxergo a equipe em evolução. Se analisar do primeiro até o último jogo, existe uma oscilação natural para início de uma competição. O Sport passou a ter mais jogos seguidos. Antes, eram jogos espaçados de até 15 dias e isso não deu um entrosamento maior. Tem evolução, é verdade. Alguns momentos em que a equipe tem oscilação, mas vejo com bons olhos, uma evolução muito boa”, avaliou o diretor de futebol do Sport, Wanderson Lacerda, em entrevista concedida para o Ralph de Carvalho, na Rádio Jornal.

“Espero que na sequência dos jogos até a parada da Copa América, (consigamos) chegar até o G4. É uma equipe que vem crescendo. Alguns jogadores se sobressaem com grandes partidas e depois diminuem a intensidade, mas aos poucos conseguimos uma evolução satisfatória”, acrescentou.



MIRANDO O G4

A meta do Sport de chegar até a parada da Copa América dentro do G4 é bastante palpável. Até lá, o Leão terá mais quatro confrontos, sendo três deles na Ilha do Retiro. Primeiro o Londrina, depois Operário-PR fora de casa, além de Vitória e CRB no Recife. No recorte atual, uma equipe que está no G4 (Londrina), outra na sexta colocação (CRB) e duas na zona de rebaixamento (Vitória e Operário-PR). Para alcançar o maior número de pontos possíveis até lá, o Rubro-negro conta também com o apoio da sua torcida. Ela tem sido convocada pelo clube na mídia e redes sociais para comparecer em peso na Ilha do Retiro.

“Esse jogo de sexta (contra o Londrina), o Sport terá a chance de fazer uma grande partida com a Ilha lotada. Com as vendas e as projeções, esperamos um público acima de 20 mil. Nos dá o direito de pensar em ter uma grande partida e com vitória, para pular para nove pontos e ter uma situação mais confortável”, encerrou Wanderson Lacerda.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM