Jornal do Commercio
Suíça

Homem é condenado por estupro após sexo sem camisinha sem a parceira saber

Segundo juiz que determinou a acusação, o réu não ter cumprido o combinado de utilizar camisinha durante o sexo constitui um caso de abuso sexual

Publicado em 12/01/2017, às 09h14

Homem tirou a camisinha durante a relação sexual, algo que a mulher só descobriu quando o sexo tinha terminado / Foto: Reprodução
Homem tirou a camisinha durante a relação sexual, algo que a mulher só descobriu quando o sexo tinha terminado
Foto: Reprodução
JC Online

A Corte Criminal de Lausanne, cidade localizada na parte oeste da Suíça, condenou um homem por estupro após ter feito sexo sem camisinha sem que a sua parceira soubesse.

Para o juiz que determinou o caso, o réu não ter cumprido o combinado de utilizar a proteção durante a relação contitui um caso de abuso sexual.



Homem teria tirado a camisinha durante o sexo

De acordo com informações do site "The Local", os dois se conheceram através do Tinder, um aplicativo de paquera. No segundo encontro entre os dois, eles iniciaram uma relaxão sexual com o preservativo. Porém, durante a relação, o homem, um francês de 47 anos, retirou a camisinha, algo que a mulher só percebeu ao fim do sexo.

O julgamento ocorreu na última segunda-feira (9), e o francês foi condenado a 12 meses de prisão. A sentença, no entanto, foi suspensa e ele ficará em observação pela Justiça da Suíça. O advogado de defesa afirmou que é a primeira vez que uma decisão do tipo foi tomada na Suíça.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM