Jornal do Commercio
Fraude

Operação da PF investiga desvios de R$ 140 milhões do SUS no Amazonas

Os policiais estão cumprindo de 16 mandados de prisão temporária e 40 de busca e apreensão endereços nas cidades de Manaus e São Paulo

Publicado em 11/10/2018, às 11h37

Além de 150 policiais federais, as ações contam com a participação de oito auditores da CGU e 20 auditores da Receita Federal / Foto: ABr
Além de 150 policiais federais, as ações contam com a participação de oito auditores da CGU e 20 auditores da Receita Federal
Foto: ABr
Agência Brasil

A Polícia Federal (PF), com o apoio do Ministério da Transparência (CGU), deflagrou nesta quinta-feira (11) a Operação Cashback para investigar fraudes que desviaram mais de R$ 140 milhões do Sistema Único de Saúde (SUS) no Amazonas. Segundo a PF, a Cashback é a quarta fase da Operação Maus Caminhos, deflagrada em 2016.

“Com o avanço das apurações, foram identificados novos fatos e prejuízos referentes à prática do retorno do dinheiro pago às empresas fornecedoras de produtos e serviços do Instituto Novos Caminhos (INC) ao líder da organização criminosa, para que fosse redistribuído a título de propina aos agentes públicos e políticos”, diz a nota da CGU.

Os policiais estão cumprindo de 16 mandados de prisão temporária e 40 de busca e apreensão endereços nas cidades de Manaus e São Paulo. Os investigados devem responder pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e ativa, contra a ordem tributária e lavagem de dinheiro.



Além de 150 policiais federais, as ações contam com a participação de oito auditores da CGU e 20 auditores da Receita Federal. Um dos alves da operação de hoje é um empresário que atua na área de equipamentos hospitalares.

Operação Estado de Emergência

Na terceira fase da Maus Caminhos, chamada de Operação Estado de Emergência, deflagrada em dezembro de 2017, a PF cumpriu mandado de prisão temporário do ex-governador José Melo. O ex-governador foi acusado de integrar um esquema criminoso que desviava recursos públicos da área da saúde.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM