Jornal do Commercio
TRAGÉDIA

Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero em SP

Os Bombeiros identificaram inicialmente que o piloto e o copiloto da aeronave haviam morrido carbonizados. Pouco tempo depois, foi identificado que Boechat era o passageiro do helicóptero, e não copiloto

Publicado em 11/02/2019, às 12h53

O jornalista Ricardo Boechat, 66, estava no helicóptero / Foto: Reprodução
O jornalista Ricardo Boechat, 66, estava no helicóptero
Foto: Reprodução
JC Online
Informações da Folha de S. Paulo

O jornalista Ricardo Boechat, 66 anos, morreu após a queda de um helicóptero em São Paulo nesta segunda-feira (11). 

A informação foi confirmada pela Folha. O Corpo de Bombeiros informou que duas pessoas tinham morrido após um helicóptero cair sobre um caminhão em trecho do Rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, na zona oeste de São Paulo.

Inicialmente, as vítimas fatais seriam o piloto e o copiloto da aeronave, segundo as informações preliminares da corporação. A confirmação de que o jornalista era um dos ocupantes veio mais tarde.



Comunicado da BandNews

Tragédia

Um caminhão foi atingido pela aeronave. O motorista foi socorrido.

O acidente ocorreu na altura do quilômetro 7 do Rodoanel, sentido Castelo Branco, próximo a um pedágio. 

A corporação atende a ocorrência com um helicóptero e 11 viaturas.

Foram feitas interdições parciais nas pistas do Rodoanel. A concessionária CCR Rodoanel, que administra o trecho oeste do Rodoanel, informa que os motoristas têm como opção acessar a Anhanguera sentido São Paulo e pegar um retorno no quilômetro 18 para seguir sentido Jundiaí.


Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM