Jornal do Commercio
MIGRAÇÃO

Trump endurece condições para conceder refúgio a imigrantes ilegais

O regulamento publicado pelo Departamento de Segurança Nacional (DHS) diz que os imigrantes que não entrarem nos EUA por um ponto autorizado não terão mais direito a pedir refúgio

Publicado em 08/11/2018, às 21h01

O presidente norte-americano, Donald Trump, tem qualificado de ''invasão'' a caravana de migrantes que se aproxima dos EUA / Foto: Rodrigo Arangua / AFP
O presidente norte-americano, Donald Trump, tem qualificado de ''invasão'' a caravana de migrantes que se aproxima dos EUA
Foto: Rodrigo Arangua / AFP
AFP

O governo do presidente americano, Donald Trump, vai restringir fortemente as condições para se pedir refúgio nos Estados Unidos, proibindo a solicitação de pessoas que tenham entrado ilegalmente no país através da fronteira com o México. 

"Nosso sistema de refúgio está sobrecarregado com excessivos pedidos injustificados de estrangeiros, que representam uma tremenda carga para nossos recursos", destacou o Departamento de Segurança Nacional (DHS).

Concretamente, os imigrantes que não entrarem nos Estados Unidos por um ponto autorizado não terão mais direito a pedir refúgio. 

Este novo regulamento foi publicado pelo DHS e espera-se que o decreto seja assinado em breve por Trump.

Segundo a nova diretriz, Trump poderá restringir a imigração ilegal "caso considere que isso está em consonância com o interesse nacional". 



Trump tem qualificado de "invasão" a caravana de migrantes centro-americanos que se aproxima dos Estados Unidos pelo México e durante a campanha para as eleições de meio de mandato ameaçou fechar a fronteira sul e enviou milhares de militares para protegê-la. 

Lei americana

A organização de defesa dos direitos humanos ACLU declarou que o direito de asilo deve ser concedido a qualquer pessoa que entre no país, sem importar como. 

"A Lei americana permite especificamente aos indivíduos que peçam refúgio sem importar se estão ou não no ponto de entrada e é ilegal modificar isto mediante uma agência ou um decreto presidencial", destacou a ACLU. 


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Sozinhas nasce uma mãe Sozinhas nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM