Jornal do Commercio
Apoio

Em convenção, PHS decide apoiar candidatura de Meirelles

Legenda decidiu por aclamação formalizar aliança com o ex-ministro da Fazenda do governo Temer

Publicado em 02/08/2018, às 23h18

PHS é a primeira legenda a apoaiar Meirelles para as eleições presidenciais de outubro deste ano / Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
PHS é a primeira legenda a apoaiar Meirelles para as eleições presidenciais de outubro deste ano
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
ABr

Durante convenção partidária realizada hoje (2), em Brasília, o Partido Humanista da Solidariedade (PHS) decidiu por aclamação apoiar o candidato Henrique Meirelles (MDB) na corrida pela Presidência da República nas eleições presidenciais de outubro deste ano.

O ex-ministro da Fazenda do governo de Michel Temer esteve presente na convenção do PHS, primeiro partido a oficializar apoio à sua campanha.



Presidido pelo deputado Marcelo Aro (MG), que anunciou a decisão do partido durante a convenção, o PHS conta hoje com quatro deputados federais e não tem representante no Senado. 

Sem vice

Sem candidato a vice definido, o MDB confirmou hoje (2) o nome do ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles como candidato à Presidência da República.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM