Jornal do Commercio
DECLARAÇÃO

Bolsonaro diz que, se eleito, tropas só agirão com retaguarda jurídica

Declaração do candidato Jari Bolsonaro foi dada no cemitério de Engenheiro Pedreira

Publicado em 21/08/2018, às 16h40

Ele chegou ao final do enterro do cabo Fabiano Oliveira dos Santos, de 36 anos, morto durante uma operação da intervenção federal / Foto: Nelson Almeida/ AFP
Ele chegou ao final do enterro do cabo Fabiano Oliveira dos Santos, de 36 anos, morto durante uma operação da intervenção federal
Foto: Nelson Almeida/ AFP
Estadão Conteúdo

O candidato do PSL à Presidência da República nas eleições 2018, Jair Bolsonaro, disse nesta terça-feira (21), que, se eleito, as tropas militares só agirão na segurança pública "se tiverem retaguarda jurídica". A declaração foi dada no cemitério de Engenheiro Pedreira, em Japeri, na Baixada Fluminense.

Ele chegou ao final do enterro do cabo Fabiano Oliveira dos Santos, de 36 anos, morto durante uma operação da intervenção federal, nesta segunda-feira, 20, no Complexo do Alemão. "Eu não sou presidente da República. Se for, a tropa só age se tiver uma retaguarda jurídica", afirmou para a imprensa, ao sair do cemitério.



Sem mais declarações

O candidato não quis se prolongar mais em declarações sobre a morte do cabo e acrescentou apenas que era "um momento de consternação". Bolsonaro também se recusou a tirar fotos no local com simpatizantes que costumam abordá-lo em agendas públicas.

Em passagem rápida no local, o candidato foi embora antes do enterro do segundo militar morto na operação desta segunda-feira, 20, o soldado João Viktor da Silva. A cerimônia estava prevista para às 16h, no mesmo local. De Japeri, Bolsonaro disse que seguiria direto para Botafogo, na zona sul do Rio, onde informou que abriria uma conta "para fins de campanha".




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM