Jornal do Commercio
segundo turno

Lorenzoni: apoio de bancadas a Bolsonaro deve ser apresentado na próxima semana

Cotado para assumir a Casa Civil num eventual governo de Bolsonaro, o deputado federal afirmou que estão sendo negociados apoios de bancadas

Publicado em 12/10/2018, às 13h47

Lorenzoni afirmou ainda que é cedo para confirmar se vai assumir um ministério / Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil
Lorenzoni afirmou ainda que é cedo para confirmar se vai assumir um ministério
Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil
Estadão Conteúdo

Cotado para assumir a Casa Civil num eventual governo de Jair Bolsonaro (PSL), o deputado federal Onyx Lorenzoni afirmou que estão sendo negociados "apoios de bancadas e frentes parlamentares (a Bolsonaro) que deverão ser apresentados na próxima semana".

Lorenzoni afirmou ainda que é cedo para confirmar se vai assumir um ministério. "Precisamos ganhar a eleição no dia 28 para depois poder falar de governo. Qualquer coisa antes não tem sentido ", afirmou. Ele falou com a imprensa na saída do condomínio onde mora Jair Bolsonaro, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.



Segundo o deputado, Bolsonaro vai passar a maior parte desta sexta-feira (12) em casa, recebendo pessoas e "se dedicando a ler contribuições que vem recebendo". Lorenzoni confirmou que o presidenciável gravará programa eleitoral à tarde, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio. Mas negou encontro com João Doria, contrariando informação da assessoria de imprensa do candidato ao governo de São Paulo pelo PSDB, de que se reunirá com Bolsonaro no Rio às 17h30.

Doria

Sobre um possível encontro do presidenciável com Doria, Lorenzoni afirmou apenas que "Bolsonaro está adotando posicionamento de receber todos aqueles que não querem que o Brasil vire uma Venezuela ".



Comentários

Por Osvaldo,13/10/2018

O candidato-palhaço "Bolso", animador do mercado financeiro, afirma que é diferente sendo apoiado por Roberto Jefferson (PTB-RJ) e já indica para um de seus ministério, se eleito, um dos líderes dos ruralistas do DEM-RS. Qual diferença de governos teremos? Todos que estarão com o "Bolso" estavam com Temer! Que banqueiros, ruralistas e industriais votem no "Bolso" para aumentar seus lucros mantendo os baixíssimos salários que pagam, compreende-se. Mas um trabalhador que recebe salário de fome, quando empregado, e sabedor que terá seu 13° ameaçado, assim como seu abono de férias, votar no candidato que mente descaradamente em sua campanha e prega o ódio que está intimidando os opositores, é incompreensivo!

Por Osvaldo,13/10/2018

O candidato-palhaço "Bolso", animador do mercado financeiro, afirma que é diferente sendo apoiado por Roberto Jefferson (PTB-RJ) e já indica para um de seus ministério, se eleito, um dos líderes dos ruralistas do DEM-RS. Qual diferença de governos teremos? Todos que estarão com o "Bolso" estavam com Temer! Que banqueiros, ruralistas e industriais votem no "Bolso" para aumentar seus lucros mantendo os baixíssimos salários que pagam, compreende-se. Mas um trabalhador que recebe salário de fome, quando empregado, e sabedor que terá seu 13° ameaçado, assim como seu abono de férias, votar no candidato que mente descaradamente em sua campanha e prega o ódio que está intimidando os opositores, é incompreensivo!

Por Osvaldo,13/10/2018

O candidato-palhaço "Bolso", animador do mercado financeiro, afirma que é diferente sendo apoiado por Roberto Jefferson (PTB-RJ) e já indica para um de seus ministério, se eleito, um dos líderes dos ruralistas do DEM-RS. Qual diferença de governos teremos? Todos que estarão com o "Bolso" estavam com Temer! Que banqueiros, ruralistas e industriais votem no "Bolso" para aumentar seus lucros mantendo os baixíssimos salários que pagam, compreende-se. Mas um trabalhador que recebe salário de fome, quando empregado, e sabedor que terá seu 13° ameaçado, assim como seu abono de férias, votar no candidato que mente descaradamente em sua campanha e prega o ódio que está intimidando os opositores, é incompreensivo!

Por Sergio ,13/10/2018

Debate com Haddad, corruPTo e pau mandado de presidiário?? Esfaqueram e quase mataram Jair Bolsonaro e agora exigem que ele participe de debates mesmo com bolsa de colostomia e enfraquecido por 2 cirurgias !! https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1476085465827543&set=gm.1911479115607350&type=3&theater&ifg=1

Por Andrade,13/10/2018

Quem disse que o presidiário ganharia no 1 turno ? Aquelas pesquisas tendenciosas? O Brasil não quer mais PT e nem Lula. Será que ainda não ficou claro isso? #Bolsonaro 17



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM