Jornal do Commercio
Nomeação

TRF2 mantém impedimento de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho

A Advocacia Geral da União (AGU) havia apresentado um pedido de suspensão da liminar da Justiça Federal de Niterói (RJ).

Publicado em 10/01/2018, às 19h52

Cristiane Brasil continua impedida de assumir o Ministério do Trabalho. / Foto: Agência Brasil.
Cristiane Brasil continua impedida de assumir o Ministério do Trabalho.
Foto: Agência Brasil.
JC Online

O juiz substituto do Tribunal Regional Federal da 2º Região (TRF-2), Vladimir Vitovsky recusou na noite desta quarta-feira (10/1) os pedidos feitos pela Advocacia Geral da União (AGU) para que o governo pudesse dar posse à deputada federal Cristiane Brasil como titular do Ministério do Trabalho.

Os recursos foram apresentados no TFR-2 após o governo desistir de recorrer ao Supremo Tribunal Federal. Cristiane foi condenada a indenizar um ex-motorista de sua família em R$ 60 mil. Também houve outro processo semelhante, em que ela fez um acordo para pagar R$ 4 mil para outro motorista e impedir uma nova condenação.



A posse dela foi suspensa na segunda-feira (8), pelo juiz Leonardo da Costa Couceiro, da 4ª Vara Federal, em Niterói, Rio de Janeiro depois de uma ação popular do Movimento dos Advogados Trabalhistas Independentes.

 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM