Jornal do Commercio
Notícia
Previdência

'Tabata Amaral me disse que votaria a favor', diz Raul Henry sobre reforma

A parlamentar foi ameaçada de expulsão do seu partido caso votasse a favor da reforma

Publicado em 10/07/2019, às 10h04

A discussão da reforma da Previdência volta ao plenário da Câmara Federal nesta quarta-feira (10) / Foto: Reprodução/Twitter
A discussão da reforma da Previdência volta ao plenário da Câmara Federal nesta quarta-feira (10)
Foto: Reprodução/Twitter
Da Editoria de Política

Em entrevista à Rádio Jornal na manhã desta quarta-feira (10), o presidente do MDB em Pernambuco, deputado Raul Henry, confirmou que a parlamentar Tabaral Amaral (PDT) teria dito pessoalmente ao pernambucano que votaria a favor da reforma da Previdência. "Tabata Amaral disse que votaria a favor da reforma, me disse pessoalmente", contou. Nessa terça-feira (09), a deputada foi ameaçada ser expulsa do ser partido caso votasse a favor da matéria

Segundo Raul, o cenário do PDT não se aplica ao MDB, já que todos os emedebistas teriam fechado a favor da reforma da Previdência. "Fizemos uma reunião de bancada e não tinha nenhuma resistência contra a reforma da Previdência. Eu não vi nenhum deputado que votaria contra a reforma, então não há motivo para pensar em punição. O único partido que afirmou que puniria seria o PDT", afirmou. 

Reforma da Previdência: conheça as regras para aposentadoria de professores

Reforma da Previdência: veja como ficam as regras de transição

Reforma da Previdência: saiba como fica a idade mínima

Reforma da Previdência: conheça as regras para aposentadoria de policiais

Reforma da Previdência: saiba como ficam a aposentadoria rural e o BPC

À rádio, Henry ainda disse que o plenário da Câmara dos Deputados volta a discutir a proposta nesta quarta. A próxima sessão, que deve votar o tema, deve começar às 10h30 e seguirá durante o dia. 

Apesar do adiamento, o governo está otimista com a aprovação da reforma. São necessários 308 votos, mas a tendência é que os votos favoráveis sejam acima desse número. Um sinal disso foi a votação na noite de terça para retirar a reforma da pauta. Foram 331 votos contrários e 117 a favor, ou seja, a maioria votou com o governo.



EMENDAS

Com o objetivo de aumentar o apoio na Câmara, o governo de Jair Bolsonaro liberou R$ 1,13 bilhão em emendas parlamentares voltadas para a área da saúde. A decisão está formalizada em 37 portarias editadas na segunda-feira, 8, à noite em duas edições extraordinárias do Diário Oficial da União (DOU) publicadas com data da segunda-feira.

Levantamento da ONG Contas Abertas, divulgado pelo jornal O Globo, mostra que, nos primeiros cinco dias de julho, o governo empenhou R$ 2,5 bilhões de emendas parlamentares. A reportagem não detalha se nesse montante está incluído o valor da liberação da saúde.

Além dos valores, as portarias indicam municípios de vários Estados que estão habilitados a receber os recursos das emendas, que, segundo o ato, serão aplicados para "incremento temporário do Limite Financeiro da Assistência de Média e Alta Complexidade (MAC)".

 





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM