Jornal do Commercio
Notícia
EMBAIXADOR

Eduardo Bolsonaro será 'vitrine para o Brasil', diz presidente

'Acha que eu ia botar uma pessoa que não tivesse competência para exercer uma nobre missão, como essa?', afirmou Jair Bolsonaro

Publicado em 19/07/2019, às 15h48

Jair Bolsonaro afirmou que o filho irá para
Jair Bolsonaro afirmou que o filho irá para "trabalhar" e ser uma "vitrine" para o Brasil.
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Estadão Conteúdo

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (19) achar muito difícil que os Estados Unidos neguem a indicação do seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para a embaixada brasileira em Washington. Ele afirmou que o filho irá para "trabalhar" e ser uma "vitrine" para o Brasil.

"Ele vai ser vitrine. Acha que eu ia botar uma pessoa que não tivesse competência para exercer uma nobre missão, como essa? O meu filho está indo para trabalhar nos EUA, ele tem um relacionamento com vários países", disse.

Questionado sobre a demora para formalizar a indicação e enviá-la ao Senado, Bolsonaro afirmou que aguardará a consulta ao governo norte-americano. O Brasil precisa enviar aos Estados Unidos o chamado pedido de agrément, que é uma consulta ao país sobre a indicação e, normalmente, é feito de maneira sigilosa para evitar constrangimentos em caso de recusa do nome indicado



"Duvido, acho muito difícil ter um negativo por parte dos EUA, e ele vai ser o nosso cartão de visitas. Sabe da tremenda responsabilidade que terá pela frente. Havendo uma resposta dos Estados Unidos, a gente comunica o Senado para que seja marcada a data da sabatina", disse.

Bolsonaro admitiu que já conversou com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), sobre a questão. Perguntado sobre a expectativa da aprovação de Eduardo pelos senadores, o presidente da República afirmou que "entra em campo para ganhar o jogo". "Acho que o Senado vai fazer uma boa sabatina e tenho certeza que seja aprovado. Agora, talvez haja o viés político por parte de alguns, eu espero que ele seja aprovado", disse.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM