Jornal do Commercio
Notícia
BANCO CENTRAL

'Só falo com Campos Neto depois do Copom, não interfiro em nada', diz Bolsonaro

Bolsonaro discursou para uma plateia de investidores, empresários e economistas na manhã desta quinta-feira (10)

Publicado em 10/10/2019, às 12h25

Para Bolsonaro, a independência do BC significa
Para Bolsonaro, a independência do BC significa "confiança".
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Estadão Conteúdo

Em discurso realizado nesta quinta-feira, 10, em São Paulo, o presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a falar da independência do Banco Central e afirmou que só conversa com o presidente da autoridade monetária, Roberto Campos Neto após a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). Para Bolsonaro, a independência do BC significa "confiança".

"Campos Neto não sentirá diferença quando houver autonomia do BC, pois já há autonomia", disse Bolsonaro para um plateia de investidores, empresários e economistas durante o Fórum de Investimentos Brasil 2019, organizado pelo governo federal, pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex) e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

"Roberto Campos é quem fala 100% sobre o Banco Central. Não sei se o Paulo Guedes interfere, mas eu não, absolutamente nada", disse Bolsonaro, em tom de brincadeira, sob risos da plateia. "Eu só falo com Campos Neto depois do Copom. Eu não interfiro em nada."



Também no Fórum de Investimentos Brasil 2019

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta-feira, 10, em evento na capital paulista que, ao contrário do que tem sido dito, de que há uma crise política, acordos políticos estão sendo feitos. "Nasceu uma nova política, extraordinariamente republicana", disse o ministro durante o Fórum de Investimentos Brasil 2019, ressaltando que a reforma da Previdência deve ser aprovada em segundo turno no Senado em mais duas semanas.

"Acordos políticos estão sendo costurados em bases orgânicas", afirmou Guedes. O ministro ressaltou que o Senado demorou "um pouco mais" para votar a Previdência, "mas está trazendo entes federativos" para as medidas que alteram as aposentadorias. O presidente Jair Bolsonaro também participou do evento em São Paulo.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM