Jornal do Commercio
Artigo
OPINIÃO

Cláudio Humberto: De férias, deputados receberam R$ 433 mil em ressarcimento de despesas em janeiro

Sem dó nem piedade, suas excelências embolsaram o valor no mês, que um dia de trabalho sequer na Câmara. Leia o comentário de Cláudio Humberto

Publicado em 03/02/2020, às 08h03

O ressarcimento ocorre quando, por conveniência prática, um deputado paga despesas que deveriam ser da Câmara / Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
O ressarcimento ocorre quando, por conveniência prática, um deputado paga despesas que deveriam ser da Câmara
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto*

Janeiro chegou ao fim, sem um dia de trabalho sequer na Câmara dos Deputados. Mas, sem dó nem piedade, suas excelências embolsaram “ressarcimento de despesas” de R$ 433 mil no mês de recesso.

>> Governo defende reformas tributária e administrativa na volta dos trabalhos do Congresso nesta segunda

Economia nas viagens

Dados do Ministério da Economia mostram que houve redução de 11,5% no número de viagens entre o último ano do governo Michel Temer e o primeiro ano do governo Bolsonaro, além de uma economia de 9,7% nos custos desses afastamentos.

Em 2018 foram 892.217 viagens por R$ 1,25 bilhão. Tudo na conta do contribuinte. Em 2019 o total de viagens de servidores, militares, funcionários e "colaboradores eventuais" foi de 764.880, a um custo total de R$ 1,129 bilhão.



*Cláudio Humberto assina coluna diária no Jornal do Commercio

Leia mais comentários de Cláudio Humberto

Lula alfineta João Campos e diz que Recife 'precisa de prefeito, não de príncipe'

Alguém fumou maconha estragada no TSE

Demissão por uso de avião da FAB

O presidente Jair Bolsonaro demitiu, na terça-feira (3), o secretário-executivo da Casa Civil, Vicente Santini, por utilizar uma aeronave oficial para se deslocar até Nova Déli, na Índia. Bolsonaro ficou incomodado com o voo particular do número 2 de Onyx Lorenzoni, na condição de ministro, já que o titular da pasta está de férias, enquanto demais ministros optaram por viajarem por companhias aéreas comerciais.

"Inadmissível o que aconteceu. Já está destituído da função de executivo do Onyx. Destituído por mim. Vou conversar com Onyx para decidir quais outras medidas podem ser tomadas contra ele", disse Bolsonaro.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM