Jornal do Commercio
Rumo a 2014

Eduardo mobiliza prefeitos e prepara o "Juntos por Pernambuco"

Novo "mote" do governador será lançado nesta quinta-feira (21), em reunião com prefeitos de todo o Estado, em Gravatá

Publicado em 20/02/2013, às 06h15

Eduardo vai reunir prefeitos pernambucanos em encontro em Gravatá / JC Imagem
Eduardo vai reunir prefeitos pernambucanos em encontro em Gravatá
JC Imagem
Débora Duque

Com um discurso pronto para cativar os prefeitos dos 184 municípios do Estado, o governador Eduardo Campos (PSB) abrirá, nesta quinta-feira (21), o encontro geral com os gestores municipais, em Gravatá, Agreste, lançando o mote “Juntos por Pernambuco - Integração das Políticas Públicas”.

Infográfico

EDUARDO3

O slogan lembra os seminários “Todos por Pernambuco”, da primeira gestão de Eduardo, e constará no material que será entregue aos participantes, resumindo o tom administrativo e político do evento que seguirá os mesmos moldes do que foi realizado em janeiro pela presidente Dilma Rousseff (PT), em Brasília.

O objetivo central da reunião, organizada pelas secretarias estaduais de Planejamento e da Casa Civil, é estreitar o alinhamento entre os prefeitos e o governador, hoje apontando como um dos presidenciáveis para 2014. A sintonia é considerada estratégica tanto para o desempenho da gestão estadual em seus dois últimos anos, como para o sonho presidencial alimentado por Eduardo.

Na abertura, marcada para às 15h30, o socialista anunciará um pacote de medidas para aliviar os problemas financeiros das prefeituras. A atitude, além de funcionar como um gesto político, servirá para corroborar o discurso de Eduardo a favor de um novo pacto federativo e seus ataques às políticas de desonerações tributárias praticadas pela União, que terminam por reduzir as arrecadações de Estados e municípios.



O conteúdo do auxílio proposto pelo governo estadual ainda é mistério. “Tem algumas medidas que foram desenhadas e serão avalizadas até amanhã (hoje) pelo governador”, disse o chefe da Casa Civil, Tadeu Alencar. Internamente, a expectativa do governo é de que o pacote ganhe uma repercussão melhor entre os gestores do que as medidas anunciadas por Dilma.

Além do “afago” aos prefeitos, o evento tem por finalidade ampliar as parcerias entre as gestões estadual e municipais na execução de políticas públicas. O governador compreende que resultados de sua gestão só serão potencializados se os municípios cumprirem o “dever de casa”.

A intenção é frear ao máximo o surgimento de agendas negativas em áreas como saúde, educação e segurança.

Leia mais na edição desta quarta do Jornal do Commercio





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM