Jornal do Commercio
Mapa estratégico

Paulo Câmara reforça que fará governo de continuidade à gestão Eduardo Campos

Governador destaca que apresedeu com padrinho político como tirar obras do papel

Publicado em 20/06/2015, às 07h29

Paulo diz que Eduardo foi um bom professor / Roberto Pereira/SEI
Paulo diz que Eduardo foi um bom professor
Roberto Pereira/SEI
Franco Benites

Assim como fez logo após ser eleito e também empossado como governador, Paulo Câmara aproveitou o lançamento do mapa estratégico para reforçar a tese de que a sua gestão seria de continuidade do legado deixado por Eduardo Campos. As referências ao ex-governador, aliás, permearam o discurso do atual chefe do Executivo estadual e do secretário de Planejamento e Gestão, Danilo Cabral, que destacou que o grupo político socialista estava no poder mais uma vez por saber fazer as entregas prometidas nos últimos oito anos.

“Eduardo me ensinou e é por isso que estou aqui a como fazer, a como executar, a comi tirar do papel medidas para beneficiar o povo, aquele mais humilde. Não vou dar intimidade a problema”, disse o governador após o secretário de Planejamento e Gestão apresentar em um telão uma série de ações positivas realizadas a partir da gestão Eduardo Campos.

As iniciativas executadas este ano dentro da atual administração também foram mencionadas com entusiasmo para os servidores. Embora o governador tenha reconhecido que era preciso fazer alguns ajustes, em nenhum momento a crise nos presídios, que Paulo herdou da gestão eduardista, ou as críticas recebidas dos sindicatos dos professores e dos policiais civis e militares foi mencionada abertamente no raio-x do legado socialista.

Danilo Cabral ainda lembrou que o modelo de gestão participativa criado por Eduardo - incluindo o Todos por Pernambuco, o mapa da estratégia e os ciclos de monitoramento - foi premiado internacionalmente. “Foi esse o modelo que deu certo, deu velocidade à gestão pública”, resumiu.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.
Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM