Jornal do Commercio
arena pernambuco

Oposição cobra data da audiência sobre Arena Pernambuco na Alepe

Audiência pública para discutir rompimento do contrato com a Arena Pernambuco foi aprovada desde o dia 09, mas ainda não tem data

Publicado em 22/03/2016, às 16h52

'Não sei porque o governo não quer debater a Arena Pernambuco nessa Casa', alfinetou o líder da oposição, Silvio Costa Filho (PRB) / Foto: Roberto Soares/Alepe
'Não sei porque o governo não quer debater a Arena Pernambuco nessa Casa', alfinetou o líder da oposição, Silvio Costa Filho (PRB)
Foto: Roberto Soares/Alepe
Paulo Veras

Líder da oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o deputado Silvio Costa Filho (PRB) cobrou na tarde desta terça-feira (22) que os deputados da base governista marquem a audiência pública para discutir o rompimento do contrato entre o Governo de Pernambuco e a Arena Pernambuco. O governo anunciou o rompimento no dia 04 deste mês e a realização da audiência foi aprovada na Comissão de Administração da Alepe cinco dias depois, mas ainda não há data marcada para o debate.

"Eu não sei porque o governo não quer debater a Arena Pernambuco nessa Casa", reagiu Silvio Costa Filho. "O governo do Estado disse que vai oferecer a Arena a um grupo de investidores internacional para poder gerir a Arena. Eu pergunto a essa Casa e essas indagações eu quero fazer ao governo do Estado, qual é o grupo internacional que vai ter interesse em administrar uma Arena que está sendo investigada pela Polícia Federal através da Operação Fair Play. Tá aí hoje a Arena do Corinthians", completou.

O deputado de oposição ainda afirmou que o vice-governador Raul Henry (PMDB), que coordenou a gestão da Arena ao longo do ano de 2015, mas repassou o papel para o secretário de Administração, Milton Coelho (PSB), "viu o tamanho do problema e saiu desse processo".



Presidente da Comissão de Administração, o deputado Anderson Ferreira (PSB) disse ter enviado um ofício ao procurador-Geral do Estado, César Caúla,sugerindo a realização da audiência no próximo dia 30 ou pedindo que o representante do Estado indicasse uma nova data mais adequada. O procurador, que já confirmou por meio de sua assessoria que irá comparecer ao debate, ainda não teria respondido o ofício.

O líder do governo, Waldemar Borges (PSB), e os vice-líderes, Tony Gel (PMDB) e Lucas Ramos (PSB), não estavam no plenário na hora da corbança. Nenhum deputado governistas respondeu à oposição.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM