Jornal do Commercio
Eleições 2016

Pesquisa IPMN/JC: No Recife, Geraldo Julio (PSB) tem 59% dos votos válidos contra 31% de João Paulo (PT)

Este é o penúltimo levantamento publicado em parceria com o Jornal do Commercio antes da votação do 2º turno

Publicado em 27/10/2016, às 00h01

Geraldo Julio (PSB) aparece à frente de João Paulo (PT) na pesquisa IPMN/JC: 59% x 41% / Montagem JC Imagem
Geraldo Julio (PSB) aparece à frente de João Paulo (PT) na pesquisa IPMN/JC: 59% x 41%
Montagem JC Imagem
Da editoria de Política

O prefeito e candidato à reeleição Geraldo Julio (PSB) e o ex-prefeito João Paulo (PT) chegam ao debate promovido nesta quinta-feira (27) pelo Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC) em condições bem distintas na disputa eleitoral. Um levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN), em parceria com o JC e o portal Leia Já, mostram que o socialista está muito próximo de ser reconduzido ao cargo. Ele possui 59% dos votos válidos contra 41% do petista. Os votos válidos são gerados a partir dos valores de intenção de voto de cada candidato na pergunta estimulada e desconsiderando-se os votos brancos, nulos e indecisos. O nível de confiança da pesquisa IPMN/JC é de 95% e a margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos.

Na primeira pesquisa do segundo turno, Geraldo Julio apareceu com 60,2% dos votos válidos e João Paulo tinha 39,8%. No segundo levantamento, os números apontavam 61% dos votos válidos para o socialista e 39% para o petista. Agora, uma nova mudança, numericamente a favor do ex-prefeito, mas dentro da margem de erro. O cenário, na prática, permanece o mesmo das pesquisas anteriores, o que beneficia o atual prefeito na busca pela renovação do mandato.

“A nova pesquisa IPMN/JC mostra que o prefeito Geraldo Julio consolidou a liderança. Tal fato é explicado pela estabilidade dos votos válidos e da avaliação da gestão do prefeito. Tenho como hipótese, assim como frisei na pesquisa divulgada no último sábado, que tal quadro, ou seja quadro estável, tende a permanecer até o próximo domingo. A atual pesquisa, como o conjunto das pesquisas realizadas, não sugere movimento abrupto do eleitorado. Portanto, esta penúltima pesquisa do IPMN/JC fortalece a hipótese de que o candidato do PSB deve vencer a disputa eleitoral”, afirma Adriano Oliveira, cientista político e professor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

>> TV Jornal promove debate entre João Paulo e Geraldo Júlio nesta quinta-feira

>> Confira o especial História das Eleições no Recife

Geraldo Julio lidera também a pesquisa estimulada. O prefeito aparece com 49% das intenções de voto contra 35% do rival. O número de eleitores dispostos a votar em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos é de 13%. As pessoas que não sabiam responder ou não responderam representam 3%.

Na pesquisa espontânea, modelo em que os nomes dos postulantes não são citados pelos entrevistadores, Geraldo tem 47% das intenções de voto contra 34% de João Paulo. Já 13% responderam que votarão em branco, nulo ou em nenhum dos postulantes e 5% não responderam ao levantamento ou não souberam responder.

“É importante destacar que o conjunto das pesquisas revela que João Paulo não “roubou” eleitores de Geraldo Julio. Este fato, observado na trajetória do segundo turno, reforça a tese de que o atual prefeito do Recife deve ser reeleito. Outro dado: a rejeição de João Paulo continua superior à rejeição do candidato do PSB”, atesta Adriano Oliveira.

REJEIÇÃO DO ELEITOR

De acordo com a pesquisa, 20% dos eleitores pesquisados têm medo que João Paulo seja eleito prefeito do Recife e 13% se referem a Geraldo Julio. Para 65% dos entrevistados, não há rejeição a nenhum dos candidatos e 1% não respondeu ou não soube responder.

Para 9% dos entrevistados, a gestão Geraldo Julio é ótima, 31% consideram boa e 32% avaliam como regular. Treze por cento dos eleitores dizem que o governo é ruim e o mesmo percentual classifica a administração do PSB no Recife como péssima. Já 1% não soube responder ou não respondeu. Para 59% das pessoas entrevistadas, o governo socialista está aprovado. O índice de eleitores que desaprovam a administração do atual prefeito é de 36% e 4% não responderam ou não souberam responder.

Esses números devem orientar a postura de Geraldo até nos últimos dias até a eleição. “Um candidato que lidera com grande diferença e tem a gestão aprovada não tem motivos para partir para o enfrentamento”, diz Adriano Oliveira.

Os pesquisadores foram às ruas nos dias 25 e 26 de outubro. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número PE-01672/2016. No total, houve 816 entrevistas com moradores do Recife maiores de 16 anos. O nível de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro é de 3,5%. No próximo fim de semana, outro levantamento será divulgado.


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

Recomendados para você


Comentários

Por Osvaldo,27/10/2016

Em conversas com moradores do Recife há perguntas no ar: por que Geraldo Júlio não diz que ele é do PSB, que deixou um rombo de mais de R$ 10 bilhões ao final da gestão de Eduardo Campos? Por que ele não diz que, juntamente com Paulo Câmara, estava a frente do projeto da Arena Pernambuco, que já custou ao estado um rombo de mais de R$ 1 bilhão, que o PSB é responsável por dezenas de paradas não concluídas e ônibus de BRTs guardados que foram comprados e, até hoje, não atendem a população da RMR?

Por FERNANDO MARQUES,27/10/2016

RECIFE, A VERGONHA NACIONAL. O PT FOI DIZIMADO EM TODO BRASIL.

Por Não acredito em pesquisas!,27/10/2016

Reitero: Onde são realizadas as entrevistas? Há o número de entrevistados, há o número de registro no TRE, mas não há um dado relacionado aos locais de entrevistas. Que garantias temos que tais entrevistas não tenham sido realizadas em locais em que o candidato do PSB tenha maioria de votos, como em Boa Viagem, Casa Forte, Parnamirim, por exemplo? A eleição de Olinda serviu como exemplo, pois a candidata do PCdoB estava garantida no segundo turno em primeiro lugar, mas ficou em quarto.

Por Elicleide,27/10/2016

a robotica prefeito só existe na várzea e pra poucos estudantes ..os tablets tão falado para a educação infantil não existe aqui!

Por jarbas leite,27/10/2016

Nas minhas caminhadas pelo calcadão de Boa Viagem, encontro Amigos e pergunto se eles tem visto no programa do JP qual é o Partido dele e ninguém sabe informar. Será que alguém sabe:? Por que será que ele não coloca? Tem vergonha da CURRIOLA presa? E outra pergunta por que não exibe a imagem do CHEFE, enquanto ele está solto? Será os parceiros dele também tem vergonha da sigla? 09:04 27/10/2016



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM