Jornal do Commercio
Nomeação

Felipe Ferreira Lima é nomeado para Secretaria do Patrimônio da União em PE

Presidente do PPS em Recife, advogado ficará a frente da secretaria que administra administra, fiscaliza e outorga o uso dos imóveis da União no estado

Publicado em 04/12/2017, às 11h52

“Precisamos elaborar uma agenda positiva para a SPU em Pernambuco, destacando ações importantes que influenciam diretamente na organização urbana, social e ambiental dos nossos municípios
“Precisamos elaborar uma agenda positiva para a SPU em Pernambuco, destacando ações importantes que influenciam diretamente na organização urbana, social e ambiental dos nossos municípios", afirmou o novo superintendente
Divulgação
Editoria de Política

O presidente do PPS no Recife, Felipe Ferreira Lima, é o novo superintendente da Secretaria do Patrimônio da União (SPU) em Pernambuco, vinculada ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, presidido pelo ministro Dyogo Oliveira. A sua nomeação foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (4).

O novo superintendente já cumpre primeira agenda oficial na próxima quarta (6), participando de reuniões de planejamento da secretaria para o próximo ano, em Brasília. A Secretaria do Patrimônio da União (SPU) administra, fiscaliza e outorga o uso dos imóveis da União, determinando condições para uso, promoção, doação ou cessão gratuita, em caso de interesse público.

“Precisamos elaborar uma agenda positiva para a SPU em Pernambuco, destacando ações importantes que influenciam diretamente na organização urbana, social e ambiental dos nossos municípios. É necessário, dentro dos limites da lei, ir além das medidas meramente burocráticas”, afirmou. 



PPS

Advogado e profesor, Felipe Ferreira Lima foi nomeado presidente da comissão provisória municipal do PPS na assembleia estadual do partido em janeiro e reconduzido a presidência do diretório municipal em outubro. Ocupa a terceira suplência de vereador da Câmara Municipal do Recife, tendo obtido nas eleições de 2016 1.351 votos. Seu nome é cotado para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

O PPS, do ministro da Defesa, Raul Jungmann, atualmente integra a Frente Popular, composta por partidos aliados ao governador Paulo Câmara (PSB). Um dos possíveis caminhos que o PPS poderá seguir é a aliança com o DEM ou PSDB, caso as candidaturas do democrata Mendonça Filho e do tucano Bruno Araújo se concretizem.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM