Jornal do Commercio
VERBA INDENIZATÓRIA

Presidente da OAB-PE critica novo auxílio-saúde do MPPE

Promotores do MPPE terão direito a auxílio-saúde de R$ 500 mensais a partir de 2018

Publicado em 20/12/2017, às 14h17

'Se a legalidade é certa, penso que dúvidas se colocam no plano da moralidade', criticou Ronnie Duarte, sobre o novo auxílio-saúde do MPPE / Foto: JC Imagem
'Se a legalidade é certa, penso que dúvidas se colocam no plano da moralidade', criticou Ronnie Duarte, sobre o novo auxílio-saúde do MPPE
Foto: JC Imagem
Paulo Veras

Em uma postagem divulgada nas redes sociais, o presidente da OAB de Pernambuco, Ronnie Duarte, criticou o novo auxílio-saúde de R$ 500 mensais para os promotores do Ministério Público de Pernambuco. Para Ronnie, a medida é um novo "penduricalho" que nasce no momento em que uma grave crise se abate sobre todos e a sociedade se volta contra os auxílios existentes.

"Servidores públicos (em sentido lato) que estão no topo da pirâmide remuneratória ganham novos benefícios. Mais uma verba 'indenizatória'. Se a legalidade é certa, penso que dúvidas se colocam no plano da moralidade", questiona Ronnie.

Previsto para ser pago a partir de março do próximo ano, o novo auxílio-saúde terá impacto de R$ 2,9 milhões nas contas do MPPE em 2018 e de R$ 3,4 milhões no orçamento de 2019. De acordo com o órgão, outros Ministérios Públicos do País pagam auxílio-saúde a seus membros.



'Pouco caso da opinião pública'

"Consigo compreender a decepção que se abate sobre muitos que emigram convictos de que o nosso país não tem jeito. Insisto e acredito nele. Contudo, há notícias que me fazem duvidar: será que vivemos todos em um mesmo Brasil? Até quando a nossa representação política seguirá abusando da paciência dos eleitores e fazendo pouco caso da opinião pública?", questiona o presidente da OAB-PE.

Além do novo benefício, os promotores recebem todo mês um auxílio-moradia de R$ 4.377,27 e um auxílio-alimentação de R$ 1.068. Em 2018, não haverá reajuste nas verbas indenizatórias ou no salário dos membros do MPPE. “Os servidores tiveram uma recomposição de 4%, retroativo a 1º de outubro, além de mais 4% previsto para outubro do ano que vem”, explica o órgão em nota.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe
As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus
O JC preparou um hotsite especial em homenagem ao ator e diretor Jose Pimentel, o eterno Jesus Cristo do teatro pernambucano
Nordeste Renovável Nordeste Renovável
Com a força dos ventos e a incidência solar, o Nordeste desponta como oásis. Não só para o turismo, nem apenas no Litoral. Na geração de energia sustentável está a nova fonte de riqueza da Região, principalmente no interior

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM