Jornal do Commercio
ELEIÇÕES 2018

Para Sílvio Costa, Sérgio Moro tem 'ranço' por Lula

Candidato ao Senado, Sílvio Costa ainda declarou voto em Fernando Haddad, já que Lula está inelegível

Publicado em 14/09/2018, às 21h30

Sílvio Costa é fiel defensor de Lula e Dilma / Foto: Divulgação
Sílvio Costa é fiel defensor de Lula e Dilma
Foto: Divulgação
Da Editoria de Política

Fiel defensor dos governos do PT, o deputado federal Sílvio Costa (Avante) disse que o juiz Sérgio Moro tem um "ranço" pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Moro condenou Lula a 9 anos e meio de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. "Em relação a Lula Moro tem um ranço. Prendeu por ocultação de patrimônio, mas ninguém pode ser condenado sem materialidade. Tinha necessidade daquela condução coercitiva? É uma perseguição com Lula, o juiz largou as férias para impedir a soltura de Lula", disse Sílvio durante o Resenha Política, dessa sexta-feira (14). Ainda assim, o deputado elogiou o juiz dizendo que ele faz um grande serviço ao País.

Sobre o cenário nacional, sem a candidatura de Lula, que foi considerado inelegível pelo TSE, Sílvio Costa declarou voto em Fernando Haddad para presidente."Sou admirador de Lula, das políticas de inclusão social promovidas por Lula e Dilma, acho que ele é um grande eleitor pois colocou menos favorecidos no orçamento, colocou filho de pobre, aumentou o poder de compra no País. Não sou petista, sou Lulista. Humberto Costa pode colocar que é senador de Lula e é por ser do PT, mas não há quem me tire esse carimbo de lulista. Sou amigo pessoal e admirador de Fernando Haddad", disse.



PROPOSTAS PARA O SENADO

Candidato ao Senado na chapa de Maurício Rands, Sílvio Costa disse que pretende ser senador para "ajudar a construir um Brasil decente" com um Senado, pois "grande parte dos senadores está na Lava Jato". "Precisamos também discutir uma equação financeira para os estados brasileiros. Vou propor a capacidade de endividamento dos estados. Pernambuco pode se endividar até 200% de sua receita corrente líquida, é preciso fazer uma auditoria da divida/PIB dos estados", afirmou.



Comentários

Por julio,15/09/2018

toda essa turma vai cair no esquecimento, Lula ficara para a história e Moro vai para a lata do lixo dos acontecimentos históricos.

Por Luiz Felix Medeiros,15/09/2018

Esse sujeito faz parte da podridão política do nosso estado.Mais um capanga de lulaladrão e sua trupe.Quem tenta atingir Sergio Moro está se declarando culpado publicamente, pois bandido tem medo da lei.

Por aurea,14/09/2018

Sou admiradora de Lula pelo mesmo motivo que o seu, Lula tirou muita gente da fome e levou esperança para muitos estudantes que só conseguiam chegar até o ensino fundamental, hoje formados, eu sou uma que consegui me formar pelo programa de Lula pagando 50%, Admiro você pela sua honestidade e bravesa Sílvio Costa

Por JOSE DORGIVAL,14/09/2018

sou Llula ate o fim 13 com Haddad

Por SEVERINO,14/09/2018

ESSE SÍLVIO IDIOTA QUER APARECER, INVERTENDO OS VALORES MORAIS. AINDA BEM QUE EM 2019 ELE SAI DE BRASILIA.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM