Jornal do Commercio
PARTIDO DOS TRABALHADORES

Presidente do PT em Pernambuco, Bruno Ribeiro renuncia ao cargo

Em sua carta de renúncia, Bruno Ribeiro afirmou que voltará a se dedicar à advocacia

Publicado em 11/02/2019, às 17h39

Bruno assumiu o PT-PEem dezembro de 2015 / Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Bruno assumiu o PT-PEem dezembro de 2015
Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Da Editoria de Política

Presidente do PT em Pernambuco, Bruno Ribeiro renunciou ao cargo nesta segunda-feira (11). O primeiro vice-presidente, Glaucus Lima vai assumir o partido interinamento, pois o diretório estadual tem até 60 dias para se reunir e fazer uma nova eleição.

Fiel defensor do ex-presidente Lula e do Partido dos Trabalhadores, Bruno Ribeiro afirmou, em carta, que volta a se dedicar à advocacia. "Tenho absoluta clareza de que, nessa fase do País, poderei contribuir mais na resistência às ameaças fascistas aos direitos, como advogado, do que como dirigente partidário”, afirma no texto.

"De fato, numa obra coletiva – que envolveu os parlamentares eleitos, as direções do PT-PE e, sobretudo, milhares e militantes petistas – ampliamos as nossas bancadas e colocamos o nosso partido posicionado estrategicamente na articulação dos partidos de centro-esquerda, em Pernambuco e nacionalmente. O que é indispensável para a necessária resistência unificada a uma extrema-direita grotesca que assumiu o poder, se valendo de arbitrariedades como a prisão de Lula e de adulterações, inclusive por vias digitais, da vontade popular", diz a carta.

Bruno Ribeiro assumiu a presidência do PT em dezembro de 2015, sucedendo a deputada estadual Teresa Leitão no cargo. Ele foi reeleito em maio de 2017.



Nota do PT em Pernambuco:

No início da tarde desta segunda, 11/02, Bruno Ribeiro, apresentou à Executiva Estadual sua renúncia à presidência do PT de Pernambuco. Bruno Ribeiro apresentou uma carta (anexa), um breve balanço contendo as conquistas políticas do Partido no período de sua presidência e anunciou que voltará a se dedicar integralmente à advocacia, mantendo sua militância especialmente em defesa dos direitos humanos e, em especial, pela liberdade de Lula.

A Executiva Estadual, ao tempo que agradece, homenageia o companheiro pela sua importante contribuição dada ao partido na presidência estadual.

De acordo com as regras partidárias, estabelecidas no estatuto, o vice-presidente, Glaucus Lima, assume interinamente a presidência, devendo ser convocada uma reunião do Diretório Estadual para eleição do novo presidente entre os diretorianos, em no máximo 60 dias.

Recife, 11 de fevereiro de 2019
COMISSÃO EXECUTIVA DO PT-PE


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM