Jornal do Commercio
Notícia
Sabatina

Alepe aprova Carlos Neves como novo conselheiro do TCE

O nome de Carlos Neves foi indicado pelo governador Paulo Câmara (PSB)

Publicado em 11/07/2019, às 12h03

Foram 41 votos a favor e nenhum contrário / Foto: Luisa Farias/Editoria de Política
Foram 41 votos a favor e nenhum contrário
Foto: Luisa Farias/Editoria de Política
Da Editoria de Política
Com informações da repórter Luisa Farias

Atualizada às 12h28

Em sabatina realizada na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), na manhã desta quinta-feira (11), ficou decidido que a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE) será preenchida pelo advogado Carlos Neves. Foram 41 votos a favor e nenhum voto contrário. O seu nome foi indicado pelo governador do Estado, Paulo Câmara (PSB), em virtude do falecimento do conselheiro João Carneiro Campos. 

"Eu acho que é um momento em que você (Carlos Neves) irá ocupar uma vaga tão importante no nosso Tribunal de Contas, com a sua experiência, com a sua sensibilidade, entendendo muito bem da política, mas nunca deixando a sua profissão", disse o presidente do colegiado, Waldemar Borges (PSB). 

Segundo o relator do projeto, deputado Romário Dias (PSD), a comissão entendeu que o advogado tem todas as condições para exercer o cargo de conselheiro. "O doutor Carlos Neves tem todas as condições para ocupar o cargo de conselheiro, podendo assim exercer a função indicada pela sua excelência o governador Paulo Câmara", afirmou Romário após apresentar a decisão de aprovar o magistrado. 

Conselheiro

O cargo de conselheiro do TCE-PE é vitalício e tem os mesmos vencimentos dos desembargadores do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), ou seja, salário-base de cerca de R$ 35 mil. 



Cabe aos conselheiros julgarem as contas do Estado e municípios, além de atos de pessoal, como concessão de aposentadorias, reformas, transferências para reserva remunerada e pensões, neste caso, monocraticamente. Caso seja aprovado pela Alepe, Carlos Neves assume automaticamente os processos que estavam sob a alçada de João Carneiro Campos.

TÉCNICO

O sindicato dos servidores do TCE-PE (Sindicontas) divulgou uma nota na última sexta-feira (5) pedindo a indicação de um “nome técnico” para o cargo. “É muito rápido dizer que houve um apoio maciço (a Carlos Neves), mas a minha sensação é que o nome tem o apoio de boa parte do quadro técnico dos servidores do tribunal, por ser exatamente uma pessoa técnica”, diz o presidente do sindicato, Alexandre César.

Advogado eleitoral, Carlos Neves tem mais de 20 anos de experiência na carreira e atualmente preside a Comissão Especial de Direito Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Ainda é professor de pós-graduação e sócio de um escritório de advocacia.  




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM