Jornal do Commercio
Notícia
Protesto

Recifenses promovem ato contra degradação da Amazônia

A ação teve concentração em frente ao Ginásio Pernambucano, localizado na Rua da Aurora, no Centro do Recife

Publicado em 24/08/2019, às 17h19

Ação ocorreu em frente ao Ginásio Pernambucano, localizado na Rua da Aurora, Bairro da Boa Vista / Foto: JC Imagem
Ação ocorreu em frente ao Ginásio Pernambucano, localizado na Rua da Aurora, Bairro da Boa Vista
Foto: JC Imagem
JC Online

Com placas, faixas e carro de som, um grupo de manifestantes se reuniu, na tarde deste sábado (24), no Centro do Recife, para protestar contra as queimadas e desmatamento da Amazônia. A concentração o ocorreu em frente ao Ginásio Pernambucano, na Rua da Aurora, Bairro da Boa Vista. Entre os presentes, estudantes e algumas organizações políticas como PSOL e o Movimento Alternativa Socialista.

Os manifestantes cobraram medidas urgentes do governo brasileiro para intervir na degradação da floresta amazônica. A estudante do ensino médio Emily Rocha diz que "o governo precisa fazer algo em favor da Amazônia, pois não só o Brasil depende dela, mas também o mundo".

O estudante de geologia Gabriel Martins acrescentou que "não se pode cortar as verbas para a região, e também que é preciso combater com leis mais fortes as grilagens de terras e as queimadas que acontecem na floresta", disse.  



Além de combates mais efetivos, os manifestantes exigem que o governo brasileiro saia da inércia. "Existe desmatamento, queimadas, saqueamentos de reservas indígenas, e o governo não age", afirmou o estudante Paulo Ezequias Pinheiro. "Por isso estamos na rua. Para tentar chamar a atenção do presidente", completou. 

Ajuda dos EUA

Durante conversa realizada neste sábado(24), o presidente Bolsonaro não detalhou que tipo de ajuda os EUA podem dar ao Brasil, mas lembrou dos incêndios que ocorrem na Califórnia, causando uma catástrofe. "Com o poderio que os Estados Unidos têm, eles têm dificuldade de combater incêndio, imagina aqui". E ressaltou que se o Brasil precisar, terá ajuda americana.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM