Jornal do Commercio
Notícia
Estado

Fogo amigo na base do governo de Pernambuco

Aliados da gestão Paulo Câmara criticam secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes

Publicado em 12/09/2019, às 07h51

Por meio de nota, a Secretaria de Turismo apontou que a pasta fez investimentos de fomento ao turismo em 85 municípios do Estado / Foto: Divulgação
Por meio de nota, a Secretaria de Turismo apontou que a pasta fez investimentos de fomento ao turismo em 85 municípios do Estado
Foto: Divulgação
Luisa Farias

As críticas ao secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes (PSD) – deputado licenciado – voltaram à pauta da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Desta vez, quem puxou o debate foi o vice-líder do governo, Aglailson Victor (PSB). A falta de atenção dada pela pasta aos parlamentares continuou norteando as queixas, mas desta vez com uma pitada a mais: o suposto privilégio dado por Novaes às suas bases.

Aglaison citou o cancelamento da festa de 30 anos de morte de Luiz Gonzaga, no Exu, Sertão do Araripe, segundo ele, por falta de apoio da pasta de Turismo. Também queixou-se da falta de ajuda para a realização da 18ª Exposição de Animais do Vale do Moxotó, em Custódia. “Enquanto nós, deputados, pedimos apoio para as nossas festividades, dos municípios que representamos, somos recebidos com a justificativa de contingenciamento de gastos, e de que isso seria normal pelo momento econômico que o País, os municípios e o Estado vêm passando”, disse.

A crítica ganhou endosso. “Seu pronunciamento vem alertar não apenas ao secretário de Turismo, mas todo o governo que tem que interiorizar os investimentos necessários para cada município”, disse Henrique Queiroz Filho (PL). “Vossa Excelência traz que tinha uma programação prometida. A pior coisa no mundo é a tal da promessa. De promessa nós já estamos cansados”, reforçou Alberto Feitosa (SD).

O socialista apontou uma contradição ao citar a realização da 19ª Missa do Vaqueiro, ocorrida no distrito de Nazaré de Picos, em Floresta – terra natal de Rodrigo Novaes – que teve show de artistas nacionais. “Deixo o meu repúdio às ações que o secretário vem fazendo à frente da secretaria, usando para se autopromover e de trampolim para futuras eleições”, atacou Aglailson.

Em aparte, o deputado oposicionista Álvaro Porto (PTB) afirmou que os shows da dupla sertaneja César Menotti e Fabiano e da cantora Márcia Felipe, no evento em Floresta, custaram R$ 150 mil e R$ 100 mil, respectivamente. Porto também citou uma licitação, no valor de R$ 281 mil, para a construção de um museu no mesmo município. “Não está faltando dinheiro para terra do secretário nem para as bases dele. Isso que está acontecendo, indo para a base dos deputados aqui sem nenhum comunicado, sem nada, isso é uma falta de respeito”, afirmou Porto.

A falta de comunicação também foi alvo de queixas de Antônio Moraes (PP), que tinha sido um dos mais críticos sobre a questão em pronunciamento anterior na Casa. “A gente não quer nada não, a gente quer consideração”, disse.



Por meio de nota, a Secretaria de Turismo apontou que a pasta fez investimentos de fomento ao turismo em 85 municípios do Estado. Sobre Custódia, informou que o município recebeu R$ 120 mil para a festa de maio e não há pedidos junto à pasta em relação à Exposição de Animais, mas sim para a Secretaria de Agricultura. “Dos municípios onde o deputado Aglailson Victor teve apoio do prefeito nas últimas eleições, receberam ainda apoio pela Empetur: São Bento do Una, Macaparana, Brejão e Chã de Alegria”, diz a nota.

Sobre o evento em homenagem a Luiz Gonzaga, a secretaria informou que o governo de Pernambuco firmou acordo com o prefeito do Exu, Raimundo Saraiva (PL), para dar suporte às festividades do aniversário do artista no mês de dezembro. “Para marcar a morte do compositor, foi realizado o projeto Tengo Lengo Tengo, de junho ao final de agosto, incluindo a Missa do Vaqueiro, no Museu Cais do Sertão. A exposição bateu recorde. Foram mais de 10 mil visitantes de todo o País”, finalizou nota.

Leia a íntegra da nota

"Sobre pronunciamento de ontem do colega deputado Aglailson Victor, importante registrar que, durante este ano de 2019, um total de 85 municípios do Estado foram contemplados com investimentos de fomento ao turismo, em apoio às suas festividades. Outros mais receberam apoio através da Fundarpe.

Custódia, município citado pelo deputado, recebeu, na festa de maio, R$ 120 mil. E ao contrário do que afirmado, não há pedido algum na Secretaria de Turismo e Lazer para a festa que vai ocorrer neste mês. O pedido foi endereçado à Secretaria de Agricultura, conforme dito pelo prefeito Manuca. Dos municípios onde o deputado Aglailson Victor teve apoio do prefeito nas últimas eleições, receberam ainda apoio pela Empetur: São Bento do Una, Macaparana, Brejão e Chã de Alegria.

Em relação ao evento que homenageou Luiz Gonzaga em seus 30 anos de falecimento, o Governo do Estado, em contato feito com o prefeito Raimundo Saraiva, firmou que faria o apoio no final do ano nas festividades do aniversário de Gonzaga, celebrado em dezembro.

Para marcar a morte do compositor, foi realizado o projeto Tengo Lengo Tengo, de junho ao final de agosto, incluindo a Missa do Vaqueiro, no Museu Cais do Sertão. A exposição bateu recorde. Foram mais de 10 mil visitantes de todo o País."




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM