Jornal do Commercio
Notícia
críticas

'Projeto para eleger João Campos'. Oposição critica Geraldo Julio por inaugurações no Recife

Líder da oposição na Câmara, Renato Antunes disse se sentir lesado. O prefeiturável Mendonça Filho classificou as entregas como ''projeto para eleger João Campos''

Publicado em 08/01/2020, às 07h28

Prefeito anunciou mais de 1500 entregas de obras no ano da eleição municipal / Foto: Arquivo/JC Imagem
Prefeito anunciou mais de 1500 entregas de obras no ano da eleição municipal
Foto: Arquivo/JC Imagem
JC Online

Líder da oposição na Câmara de Vereadores do Recife, Renato Antunes (PSC) classificou como “fraude eleitoral” o anúncio das mais de 1500 inaugurações por parte de Geraldo Julio. De acordo com o vereador, o prefeito tenta enganar seu eleitor, deixando para o fim do mandato a entrega de obras que já poderiam estar sendo utilizadas pela população.

“Infelizmente, a entrega volumosa de obras no final de um mandato de prefeito é uma prática comum. O que eu vou dizer pode ser um pouco forte, mas a meu ver isso é uma fraude eleitoral. Eu, enquanto cidadão, me sinto lesado pela prefeitura, pois pago impostos anualmente, mas o prefeito, com o objetivo de capitalizar votos e eleger seu sucessor, deixa todas as entregas para o ano eleitoral. É lamentável”, declarou Antunes.

Para o ex-governador e prefeiturável Mendonça Filho (DEM), Geraldo não estaria pensando em fazer essas inaugurações para beneficiar o povo do Recife, mas para atender aos anseios eleitorais do seu partido. “Esse anúncio é a consagração do propósito maior do prefeito Geraldo Julio, que é transformar a Prefeitura do Recife em um quartel general eleitoral do PSB. O projeto é eleger João Campos prefeito em 2020 e Geraldo Julio governador em 2022. No fim do ano passado, inclusive, o prefeito transformou o Compaz, que é um equipamento público, num espaço de lançamento da pré-candidatura de João Campos. Essas obras não estão voltadas para o benefício dos recifenses, mas para a perpetuação do PSB no poder”, cravou.



Entenda as entregas

Em seu último ano à frente da Prefeitura do Recife (PCR), o prefeito Geraldo Julio (PSB) anunciou que irá realizar mais de 1.500 inaugurações. O gestor esteve reunido com todo o secretariado nesta terça-feira (7) no Forte das Cinco Pontas, área central da cidade, para pactuar as intervenções prioritárias que serão entregues até o final do ano – em plena corrida eleitoral. Apesar de cravar que as ações são pertinentes às necessidades da população, em paralelo, caberá a Geraldo ser o responsável por conduzir o processo de sucessão, conforme afirmou o governador Paulo Câmara (PSB), no dia anterior, em entrevista a Rádio CBN Recife.

Veja as obras prioritárias:

- Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa
- Nova Conde da Boa Vista
- Compaz Dom Hélder Câmara
- Inauguração de três novas upinhas
- Ilumina Recife com 150 comunidades beneficiadas
- Pavimentação de 300 ruas
- 200 km de rotas cicláveis 
- Reabertura do Ginásio Geraldão
- Reabertura Teatro do Parque
- 100% das salas de aulas climatizadas pelo Novo Clima




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM